Menu
Logo do centenário da Fundação Ulysses Guimarães Logo do centenário da Fundação Ulysses Guimarães

O Brasil comemora os 100 anos de Ulysses Guimarães, que permanece vivo em nossa memória como um dos maiores líderes políticos da história e defensor incansável das liberdades democráticas. #SenhorDiretas #SenhorConstituinte

O Centenário

Celebrar o centenário de Ulysses Guimarães é exaltar seu legado para construção de uma sociedade mais democrática. Em outubro, quando Dr. Ulysses estaria completando 100 anos, a FUG vai resgatar momentos históricos de sua atuação como o parlamentar que mais tempo ficou à frente do Legislativo federal.

Doutor Ulysses

Desde jovem, militante por um Brasil mais justo. Onze mandatos consecutivos à frente do Legislativo Federal, o Sr. Diretas, presidente da Assembleia Constituinte de 1988. Assim, Dr. Ulysses é reconhecido por sua atuação como guardião da democracia. Em outubro, quando ele estaria completando 100 anos, a #FUG vai homenageá-lo, apresentando seu legado para as novas gerações.

1916

1916

Ulysses Silveira Guimarães nasceu em 6 de outubro, em Rio Claro, São Paulo. Ele é filho da professora Amélia Correa Fontes e do coletor federal Ataliba Guimarães.

1939

1939

Eleito vice-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE). No ano seguinte, formou-se como bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais, pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, e publicou ‘A Vida exemplar de Prudente de Morais’, obra biográfica sobre o primeiro presidente civil da república.

1947

1947

Logo depois do país retomar a democracia, após o Estado Novo, Ulysses foi eleito, pelo PSD, como deputado à Assembleia Constituinte do Estado de São Paulo. A partir daí, não deixou mais a política e elegeu-se deputado federal por onze mandatos consecutivos.

1955

1955

Casamento com Ida Maiani de Almeida, viúva e mãe de Celina e Tito.

1966

1966

Criação do novo partido oposicionista, o Movimento Democrático Brasileiro, do qual Ulysses se torna primeiro-vice-presidente. Na liderança do partido, que seria reestruturado como PMDB 14 anos depois, ele participou de diversas campanhas populares pelo retorno da democracia no Brasil.

1973

1973

Lançamento de sua anticandidatura simbólica à Presidência da República, ao lado do jornalista Barbosa Lima Sobrinho, em convenção do PMDB, no qual pronuncia o discurso histórico “Navegar é Preciso, Viver não é Preciso”. No ano seguinte, Ulysses lidera uma caravana que percorre o Brasil promovendo candidatos contrários ao regime militar.

1983

1983

A partir de abril, o PMDB lança um movimento nacional por eleições diretas para presidente da República. Ulysses assume a liderança da campanha pelas Diretas-Já. Na ocasião, ele foi aclamado como “Senhor Diretas”.

1988

1988

Em outubro, após 18 meses de dedicação acumulando as presidências da Câmara dos Deputados e da Assembleia Nacional Constituinte, Ulysses declara promulgada a nova Constituição da República, reconhecida como “constituição cidadã”.

1989

1989

Indicado como candidato à Presidência da República pelo PMDB, Ulysses é derrotado nas eleições diretas para presidente. Ele alcançou apenas o sexto lugar, com 1,9 % dos votos.

1992

1992

Em junho, Ulysses assume a liderança do movimento pelo impeachment do presidente Fernando Collor, que seria aprovado posteriormente pela Câmara. Quatro meses depois, em 12 de outubro, ele e sua esposa, Mora, morrem em desastre de helicóptero em Angra dos Reis, no litoral do estado do Rio de Janeiro. O senador Severo Gomes também foi vítima fatal, junto com sua mulher, Anna Maria Henriqueta Marsiaj. O corpo de Ulysses foi o único a não ser encontrado no mar.

"O cidadão está na rua e, nesse momento, em todo o Brasil, em um velório, em uma missa, se é que está se realizando uma agora, em um bar na esquina, na rua e nas demonstrações o cidadão está se manifestando em nome da cidadania."
"Quando, após tantos anos de lutas e sacrifícios, promulgamos o estatuto do homem, da liberdade e da democracia, bradamos por imposição de sua honra: temos ódio à ditadura. Ódio e nojo."
"Um homem pode ser vencido, uma instituição e empresa podem ser vencidas, um partido pode ser vencido, mas em uma nação jamais o povo poderá ser vencido."
"Se nós pronunciarmos uma palavra só, um monossílabo - da força de pai, mãe, fé - que é SIM, sim às eleições diretas já."
"O voto quer dizer pão, saúde, educação. O voto é muito importante, porque o voto é democracia, democracia é urna, é participação."

Michel Temer

Advogado, escritor e atual presidente da República

Jarbas Vasconcelos

Advogado e político

Pedro Simon

Advogado, professor e político

Moreira Franco

Sociólogo e político

Lula

Político e ex-presidente da República

José Serra

Político, professor, economista

Barbosa Lima Sobrinho

Político, jornalista e advogado

Suplicy

Economista, professor universitário e político

Fernando Henrique Cardoso

Sociólogo, cientista político, escritor e político

Fernando Gasparian

Empresário, editor e político

#UlyssesVive

A Fundação Ulysses Guimarães tem muito orgulho de levar este nome como seu. Mais do que isso, a FUG junto com o Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) possibilita que os legados de sua atuação sejam reverberados por todo o País, por meio dos cursos, publicações, oficinas e encontros promovidos pela entidade. O Senhor democracia se foi, mas sua história continua conectada conosco. Comemore também o centenário de Ulysses Guimarães.